Educação

Tenho ouvido e lido muito sobre Educação nos últimos dias. Parece que estamos discutindo um assunto que se encerra nele mesmo e que toda e qualquer solução é tratada unicamente dentro da caixa que a denomina.

A educação é um problema maior que precisa ser enfrentado pela nação de maneira ampla, uma vez que representa fator único para que ela cresça. E não é assim que estamos vendo as coisas acontecerem.

O significado da educação é muito maior do que aquele oferecido para a sociedade e que faz parte de políticas públicas fracionadas. A complexidade na qual ela está inserida é, na maioria das vezes, desconsiderada nos discursos que vendem imagem de profissionais ditos educadores. Também é vazio o discurso daqueles que usam a educação como ideologia pura.

A educação que se deseja no Brasil não é aquele que o país precisa. A verdadeira educação é aquela que o Brasil carece e que forma a base para novos horizontes, para a autonomia, para a inovação. Educar precisa ser pauta prioritária e não tratada como mera ferramenta, provisória e descartável.

Comece a pensar sobre isso e verá que o futuro governo (Executivo, Legislativo e Judiciário) deverá e tem a obrigação moral de conter seus gastos para destinar recursos para uma educação inclusiva, formativa e politicamente autônoma.

Não se trata mais do Brasil que queremos para o futuro e sim o Brasil que precisamos para o futuro, começando pela revitalização da Educação como um todo.

Deixe uma resposta